Os Bruzundangas. de Lima Barreto

Com a palavra o Mestre Afonso Henriques de Lima Barreto

http://www.dominiopublico.gov.br/download/texto/ua000170.pdf

Do prefácio de Os Bruzundangas:

“Na Arte de furtar, que ultimamente tanto barulho causou entre os eruditos, há um capítulo, o quarto, que tem como ementa esta singular afirmação: “Como os maiores ladrões são os que têm por oficio livrar-nos de outros ladrões”.

E todo carnaval tem um pouco de insurgência e vice-versa.

Compartilho texto de Leandro Camelini que reforça a proposta do nosso blog.

E todo carnaval tem um pouco de insurgência e vice-versa. Uma insurgência alegre e libertária, contra o medo, a segregação e a melancolia, assim como todo carnaval.

Não fale em massacre, é festa