Nise da Silveira


Nise da silveira

Anúncios

Sobre jorgesapia

Abduzido pela folia foi tentar entender esse fenômeno no bacharelado de Ciências Sociais da UFF e no Mestrado em Sociologia do IUPERJ. Com sua identidade secreta dá aulas de sociologia, cultura brasileira e Teoria Social do Carnaval em diversas instituições. Entre um semestre e outro, despede-se de seus alunos com um Meu Bem, Volto Já, saudação que acabou dando nome ao bloco que fundou no Leme. Durante o reinado de Momo compõe sambas para diversos blocos da cidade de São Sebastião do Rio de Janeiro.
Esse post foi publicado em Epistemologia, Fragmentos, Psi, Textos. Bookmark o link permanente.

3 respostas para Nise da Silveira

  1. Silvânia Guimarães disse:

    Palavras fortes e carregadas de emoção!! Em um mundo tão frio, no qual podemos observar todos os dias a falta de empatia, onde políticos, escolhidos para nos representar, são nossos algozes, e onde médicos, formados para nos salvar, preferem nos assistir morrer, um feixe de luz do passado ainda insiste em brilhar, em meio a esta escuridão, na qual mergulhamos sem perceber, mas da qual, insisto e preconizo, sairemos, em um futuro longínquo, mas sairemos, mais fortes e maduros, prontos para assumirmos a posição de protagonistas de nossa história. Nice, exemplo e inspiração!

    Curtir

  2. Roberta Vidal disse:

    da Silveira! rsrsrs

    Curtir

  3. Roberta Vidal disse:

    Fantástico! Nise de Oliveira, mulher forte e corajosa!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s