As paredes de Lisboa.


As paredes de Lisboa.

A sociedade da informação ou do controle, na leitura de Deleuze, se caracteriza, entre outras coisas, por uma proliferação ilimitada de imagens que saturam o olhar e não estimulam o pensamento. Será que Fernando Pessoa previu isso?

 

 

 

 

Anúncios

Sobre jorgesapia

Graduado em Ciências Sociais pela Universidade Federal Fluminense , Mestre em Sociologia pela Sociedade Brasileira de Instrução - SBI/IUPERJ (2004). Professor temporário da UFRRJ e da Universidade Estácio de Sá e do IBMR. Atuando principalmente nos seguintes temas: direitos humanos, violência, cidadania, carnavalização.
Esse post foi publicado em Fragmentos, Frases e Muros urbanos, Psi, Sociedade de controle, Textos. Bookmark o link permanente.

2 respostas para As paredes de Lisboa.

  1. Olá, seu blog foi indicado para um prêmio, veja isso como uma oportunidade de propagação dele na blogosfera, espero que embarque nessa ideia, não é obrigatório é claro, fique a vontade! http://www.suprimatec.com/mystery-blogger-award-blogueiros-incriveis/

    Curtir

  2. loshame disse:

    I like that ☺

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s