Olhem que interessante o site de solos culturais: http://solosculturais.org.br/

o que é?

O projeto “Solos Culturais” é uma iniciativa que visa formar 100 jovens, com idades entre 15 a 29 anos, de cinco diferentes territórios – Cidade de Deus, Complexo do Alemão, Complexo da Penha, Manguinhos e Rocinha – em produção cultural e pesquisa.

O nome “Solos Culturais” implica o reconhecimento de que as favelas são solos férteis de onde brotam diferentes fazeres culturais. Solo remete a chão e cultivo, mas também às ações individuais dentro de um coletivo, como o solo de um músico em uma orquestra.

A realização pretende efetivar metodologias de mobilização social que, por sua vez, buscam produzir conhecimentos e experiências nas favelas. O grande legado, entretanto, é contribuir para consolidar esses territórios como solos para o cultivo de diferentes práticas culturais, assim como para formar solistas que vão criar, inventar e inovar.

As atividades formativas são diversas. Há aulas de fato, mas há também percursos pelo território, visitas a equipamentos culturais da cidade, troca entre as favelas, etc. Além disso, há intervenções culturais nas favelas e uma pesquisa em hábitos culturais a ser realizada nos territórios ao longo do projeto.