Arquivo da categoria: Memória

Do Leme à Praça Mauá: Bloco do Barbas

No ano que não teve carnaval, resolvemos juntar nossas vontades de estar na rua compartilhando alegria e elaboramos um projeto, de registro e memória, de alguns dos mais de seiscentos blocos carnavalescos que atravessam a cidade em tempos de Momo. … Continuar lendo

Publicidade

Publicado em Blocos de rua, Carnaval, Cidade, Documentarios, Letras e sambas, Música, Memória | Deixe um comentário

Saudades dos meus botequins.

De botequins e de saudades Luís Pimentel      Há quem diga que o bar é o segundo lar; há quem comprove que é o primeiro. Botequim é estado de espírito. E os melhores se instalam no espírito da gente desde … Continuar lendo

Publicado em encontros., Entrevistas, Memória | Deixe um comentário

LOUCURA SUBURBANA. Rio de Janeiro. Brasil

Loucura Suburbana Chegar por volta das 16 horas, na quinta-feira que antecede a folia de Momo, na praça do bairro do Engenho de Dentro é experimentar o maravilhamento de quando se conhece pela primeira vez carnaval. Uma multidão fantasiada aguardando … Continuar lendo

Publicado em Blocos de rua, Carnaval, Cultura, Filmes, Letras e sambas, Memória | Marcado com , , | 1 Comentário

Uma geração de narradores.

Compartilho artigo de Daniela Name sobre a nova geração de narradores no carnaval carioca. http://revistacaju.com.br/2020/03/07/uma-geracao-de-narradores/?fbclid=IwAR3BZjJmZ6eAmffN-JOT079t1ymFeKDC0J2cg6ieBp3E744ULkgauqpUtN0

Publicado em Artigos, Blocos de rua, Carnaval, Historia, Memória | Marcado com , | Deixe um comentário

Opinião de Djamila Ribeiro: O enfrentamento ao racismo precisa ser mais do que posts para aliviar a consciência — Traço de União

“O enfrentamento ao racismo precisa ser mais do que hashtags e posts com a cor preta para aliviar a consciência. É preciso refletir, ceder, ter compromisso de fato.” A era da inocência acabou, já foi tarde, escreveu Jurema Werneck “Recusamos … Continuar lendo

Publicado em Globalização e Neoliberalismo, História e Cultura afro-brasileira, Memória, Sociedade de controle, Textos | Marcado com | 6 Comentários

Nicomedes Santa Cruz (Peru)

Recebi, há pouco, a beleza e a força da poesia de Victória Santa Cruz. Lembrei que Victória é irmã do poeta Nicomedes Santa Cruz. Pesquisando na web deparei com esse texto, publicado por Jeff Vasques em 2010, no site Eu … Continuar lendo

Publicado em Cultura, Democracia, Direitos, Direitos Humanos, Memória | Marcado com , | 3 Comentários

Assista a “Me Gritaron Negra, Victoria Santa Cruz” no YouTube

Recebi, há pouco, a beleza e a força da poesia de Victória Santa Cruz. Lembrei que Victória é irmã do poeta Nicomedes Santa Cruz. Pesquisando na web deparei com o post publicado por Jeff Vasques em 2010, no site Eu Passarim … Continuar lendo

Publicado em Democracia, Direitos Humanos, Feminismo, História e Cultura afro-brasileira, Historia, Memória, Textos | Marcado com , | 2 Comentários

Querelas do Brasil. Aldir Blanc e Maurício Tapajos

O Brazil não conhece o BrasilO Brasil nunca foi ao BrazilTapi, jabuti, liana, alamandra, alialaúdePiau, ururau, aquiataúdePiau, carioca, moreca, meganhaJobim akarare e jobim açuOh, oh, oh Pererê, camará, gororô, olererêPiriri, ratatá, karatê, olaráO Brazil não merece o BrasilO Brazil tá … Continuar lendo

Publicado em Cultura, Cultura Popular, Música, Memória | Deixe um comentário

Aldir e a sombrinha.

Luis Fernando Veríssimo O Jaguar sabia da nossa admiração por ele e organizou uma excursão à Zona Norte. Objetivo: conhecer o Aldir Blanc. Ele nos recebeu em sua casa, na Rua Garibaldi, Tijuca. Me lembro que uma das peças da … Continuar lendo

Publicado em Colaboradores, Cultura Popular, Memória, Textos | 4 Comentários

Assista a “Estação Primeira de Mangueira” no YouTube

Mangueira politiza, de novo, o Carnaval: não tem messias de arma na mão

Publicado em Música, Memória | 2 Comentários